Quando o final de ano se aproxima, empresas e suas agências precisam correr para colocar em prática as últimas ações de marketing planejadas e começar os trabalhos para o ano seguinte. No meio do caminho, podem acontecer imprevistos que exijam uma mudança na estratégia, seja por corte de custo ou outras questões. Mas, algo que está sempre previsto na maioria das empresas é o brinde de final de ano, que elas entregam para clientes, fornecedores e parceiros.

Pen drives, canecas, carregadores de celular e canetas são as principais estrelas das mesas de executivos nesse período. A verdade é que, apesar de úteis, eles dizem muito pouco sobre a empresa e a relação que ela tem ou quer estabelecer com aquele cliente ou fornecedor. No fim das contas, seu brinde acaba sendo mais um, sem ter garantido um approach real.

Se você quiser estabelecer uma conexão com clientes e fornecedores, uma boa forma de fazê-lo é expressar a importância desse relacionamento de anos em um livro, por exemplo, ou algum material impresso que possa ser guardado como recordação. Todo o sentimento pode ser traduzido em um livro corporativo com impressão de qualidade, boas fotos e um conteúdo que seja de fato interessante.

O Boticário, marca de cosméticos brasileira, imprimiu recentemente um livro, de capa dura, contando toda a trajetória da marca nesses quase 40 anos. Nele, a empresa fala de como o fundador, o boliviano Miguel Krisgner, começou a primeira loja, porque a transformou em franquia e todos os desafios do empreendedor. Além de ser quase uma aula de negócio, a publicação traz curiosidades sobre a marca, conta histórias de alguns franqueados, funcionários com mais tempo de casa e ainda retrata casos marcantes entre clientes e a empresa. Uma forma carinhosa de agradecer stakeholders e ainda deixar como recordação.

Outra empresa que também apostou na publicação impressa foi a Guaraná Antártica, que criou um livro de conceito artesanal para contar a história da marca por todos esses anos – a ideia é reforçar aos amantes do produto todo o cuidado que envolve a produção de uma latinha de refrigerante e tentar levar um pouco disso para o consumidor final e apaixonados pela marca.

Para fazer uma ação de marketing offline que impacte e ajude a estreitar relações, sua empresa não precisa ser tão grande como as citadas acima. Um restaurante, por exemplo, que tenha clientes fiéis, pode imprimir exclusivamente para eles um livro com suas principais receitas. Algo que mostre a esses frequentadores tão especiais o apreço que o estabelecimento tem por eles.

Essas ideias não valem apenas para relacionar-se com clientes, mas também para tentar reconquistar aqueles que sumiram. Se o seu negócio já disponibiliza um e-book para todos que visitam seu site, já pensou em imprimi-lo e mandá-lo, antes mesmo que esteja disponível online, para essa base que não voltou mais? Essa poderia ser uma forma de mostrar que a empresa se lembra deles e, como forma pelos anos de relação, quer compartilhar um material ainda exclusivo.

Aproveite que o momento pede mais sensibilização das marcas, e que os consumidores apreciam empresas que as tratam com mais informalidade e intimidade, e pense em formas de encantar seu público além das plataformas online.

Fale agora com um de nossos especialistas.

Sente-se e fique à vontade, venha conhecer mais sobre a RR Donnelley!

Clique no botão e entre em contato diretamente com nossa equipe comercial.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *